MENU

Número de mortos em inundações na Itália sobe para 13

Por Da Redação, para o VizinhoTv Para o Vizinho TV

18 de maio de 2023

RAVENNA, 18 MAI (ANSA) – Subiu para 13 o número de mortos nas chuvas e inundações na Emilia-Romagna, rica região do centro-norte da Itália.  

Mais três corpos foram encontrados nas cidades de Sant’Agata sul Santerno e Castel Bolognese, na província de Ravenna, uma das mais atingidas pelo mau tempo, nesta quinta-feira (18).   

Uma pessoa ainda está desaparecida em Boncellino, distrito do município de Bagnacavallo, também em Ravenna. Horas antes, haviam sido achados os corpos de dois agricultores – uma mulher de 71 anos e seu marido, de 73 – em Russi, na mesma província.

Uma das nove mortes anunciadas na última quarta (17) foi contabilizada por engano, fazendo com que o balanço até o momento totalize 13 vítimas.   

A onda de mau tempo também deixou milhares de desalojados e provocou o cancelamento do Grande Prêmio de Ímola de Fórmula 1.

Segundo o governador Stefano Bonaccini, os danos gerados pelas chuvas e enchentes somam “alguns bilhões de euros”. “Vamos reconstruir tudo, assim como no terremoto”, prometeu, em referência ao abalo sísmico que matou 27 pessoas na região em 2012.   

“Dissemos ao governo que precisamos de muitos recursos, mas também normas mais ágeis. Necessitamos de um comissário extraordinário, provisões para trabalhadores, prorrogação de prazos e muitos investimentos”, acrescentou.   

De acordo com a confederação de agricultores Coldiretti, mais de 5 mil empresas agrícolas ficaram debaixo d’água, enquanto 27 mil cidadãos continuam sem energia elétrica na Emilia-Romagna. 

O governo da premiê Giorgia Meloni convocou uma reunião sobre as enchentes para a próxima terça-feira (23), quando deve ser declarado estado de calamidade na região. (ANSA).   

Via • @noticiasUOL

Tópicos Relacionados

Últimas Notícias

Leia Mais